"Please don't think of us as an 'indie band' as it was never meant to be a genre, and anyway we are far too outward looking for that sad tag." - Stephen Pastel

domingo, 2 de março de 2008

UM AMANHÃ RADIOSO

Chega dentro de duas semanas às lojas aquele que promete ser um dos discos mais falados do ano. Falo-vos de Street Horrrsing, a estreia em longa-duração dos Fuck Buttons, um duo de Bristol que cruza, de forma engenhosa, elementos de uma electrónica pastoral com sons típicos do noise contemporâneo.
Este improvável cruzamento, conseguido com um invulgar sentido de melodia, somado aos relatos de algumas prestações ao vivo incendiárias, valeu à dupla um contrato com a ATP Recordings, extensão editorial da estrutura responsável pelos festivais All Tomorrow's Parties.
Já neste mês, os Fuck Buttons serão responsáveis pelas primeiras partes dos concertos dos Caribou. Infelizmente, esses concertos terão lugar apenas na América do Norte, logo a seguir à passagem do projecto de Dan Snaith por Portugal.
Como amostra, deixo-vos aquele que foi, em finais do ano passado, o tema responsável pela descoberta deste projecto altamente promissor.

"Bright Tomorrow"

2 comentários:

strange quark disse...

Interessante projecto, sem dúvida. Parece-me que vão buscar referências ao fundamental "My life in the bush of ghosts" de Eno/Byrne.

John The Revelator disse...

Bem interessante. Não sei até que ponto eles vão conseguir aguentar este som num LP, mas vou esperar para ouvir.