"Please don't think of us as an 'indie band' as it was never meant to be a genre, and anyway we are far too outward looking for that sad tag." - Stephen Pastel

terça-feira, 22 de abril de 2008

Maldito sejas, Jools Holland, tu mais o teu programazeco burguês!

"Os Gutter Twins adiaram a sua passagem por Portugal, agendada para o dia 30 de Abril.
Na origem da decisão de Mark Lanegan e Greg Dulli está um convite «de última hora» para actuar no programa da televisão britânica, Later With Jools Holland, ao lado de bandas como James e Operator Please.
Além do concerto no Santiago Alquimista, em Lisboa, os Gutter Twins adiaram um espectáculo em Bilbao, Espanha.
A nova data dos Gutter Twins em Portugal não foi ainda revelada. Os bilhetes já adquiridos são válidos para a data definitiva, mas quem quiser pedir o reembolso pode fazê-lo nos locais de compra, entre 23 de Abril e 30 de Maio."- Notícia publicada hoje, no sítio da Blitz

E eu que estava em pulgas para este concerto... Só espero que não caia no esquecimento, como este...

Ah, e já agora, senhores da Blitz (e não só), quando será que aprendem a escrever o nome dos senhores pela ordem correcta?

5 comentários:

Mr. S disse...

Não se faz pá... um dos concertos mais aguardados do ano e fazem isto. Somos mesmo um pais de segunda...

Joe disse...

vamos lá a ver se assim vou poder ir :)
por acaso ainda outro dia me lembrei dessa visita adiada do richman, e até pensei que ele tivesse vindo cá sem eu dar conta. nunca mais se soube nada, portanto?...
abraço

Miss C. disse...

É uma falta de respeito e uma falta de consideração pelas pessoas. Realmente, até apetece perguntar, será que teriam feito o mesmo se as datas anuladas estivessem marcadas para outro(s) país(es)?
Indie ou mainstream, parece que afinal são todos iguais (recorde-se o exemplo recente dos Liars...).
Bahhhh!!!

M.A. disse...

É de facto uma falta de respeito, mas é, sobretudo uma pena... Eu até já tinha os discos dos Whigs perfilados para ouvir à média de um por dia!
Mas, se no caso dos Liars ainda vejo algum proveito económico, neste caso, e no curto prazo, não estou a ver que possam tirar daí grandes dividendos. Pelo que, a pergunta que deixo, é seguinte:
será que a promotora fez tudo o que estava ao seu alcance para evitar o adiamento/cancelamento? É que, normalmente, os contratos têm sanções para a parte incumpridora...

Kraak disse...

No comments... ainda tenho o bilhete comigo para ir reaver os meus € 18,00...

Hugzz