"Please don't think of us as an 'indie band' as it was never meant to be a genre, and anyway we are far too outward looking for that sad tag." - Stephen Pastel

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

How to disappear completely

Do extenso rol de discos que prometem animar a rentrée, Boredom, o novo dos Radiohead, destaca-se dos demais. Seguindo a estratégia adoptada para o antecessor In Rainbows, embora com ligeiras alterações, a banda disponibilizará o disco para download integral e gratuito. Para tal, os interessados apenas terão de aceder ao sítio oficial que irá ser criado para o efeito, registar-se, e pagar uma "taxa" de £ 8.98. A grande novidade é que as doze faixas que compõem Boredom foram gravadas em infra-sons, i.e., sons abaixo da frequência de 20 Hz e, por isso, fora da faixa do audível do ouvido humano.
À saída do briefing para apresentação do disco aos media, um jornalista da Rolling Stone congratulava-se com o facto de a voz de Thom Yorke soar como nunca a ouvimos antes. Já a delegação portuguesa, à semelhança do que acontecera com os discos anteriores, foi unânime em considerar este o melhor disco da banda de Oxford desde OK Computer.
Sabe-se ainda que Trent Reznor, mentor dos Nine Inch Nails, mostrou já interesse em seguir o exemplo dos Radiohead em discos futuros. Em ambos os casos, o April Skies aplaude a iniciativa.

6 comentários:

Anónimo disse...

Pelos menos não seria mais do mesmo...

Paulo disse...

http://www.fabchannel.com/a_place_to_bury_strangers_concert/2008-05-26/

M.A. disse...

Os gajos do Norte da Europa são uns sortudos. Thnax!

Paulo disse...

tem dias ... ;)
ate' pa semana. queres q te leve alguma daqui do norte?

M.A. disse...

Estou-me a queixar, mas nós sulistas não somos propriamente uns desgraçadinhos. Amanhã, por exemplo, temos Gutter Twins e eu vou lá estar...

Paulo disse...

acabei de reparar! ora ves...