"Please don't think of us as an 'indie band' as it was never meant to be a genre, and anyway we are far too outward looking for that sad tag." - Stephen Pastel

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

El romance es aburrido!










Ano de 2006 - Sete jovens estudantes da Universidade de Cardiff, País de Gales, juntam-se numa banda com o objectivo claro de se divertirem. Todos cantam, todos tocam qualquer instrumento. Às habituais ferramentas associadas às linguagens pop/rock, adicionam instrumentos menos convencionais como o violino ou o glockenspiel. Daí resulta uma sonoridade inclassificável, algures na zona de intercepção do art-punk verborreico dos Art Brut, do disparate consciente dos Pavemet, da exuberância cínica dos Broken Social Scene, e de uma miríade de projectos obtusos que agora não me ocorrem. A fervilhar de ideias, editam discos - em diferentes formatos - em catadupa. Chega 2009 e Los Campesinos! decidem dar uma trégua. Mas curta, pois o novo ano traz consigo o novo álbum Romance Is Boring (1 de Fevereiro, apontem). O primeiro avanço justifica o uso do ponto de exclamação no nome da banda:


"There Are Listed Buildings" [Wichita, 2009]

2 comentários:

Wellington Almeida disse...

o disco não sai a 24 de janeiro? Li isso na Blitz, se não me engano.

Abs

M.A. disse...

Se queres que te diga, já não sei aonde via a notícia, mas penso que foi no sítio oficial. No fundo, o que interessa é que está para breve :)