"Please don't think of us as an 'indie band' as it was never meant to be a genre, and anyway we are far too outward looking for that sad tag." - Stephen Pastel

sexta-feira, 3 de agosto de 2007

A GRANDE MENTIRA

Enquanto a maioria dos projectos recuperadores das sonoridades post punk vai apresentando clonagens cada vez mais estafadas, os Liars, responsáveis pelo pontapé-de-saída desta tendência, continuam a competir num campeonato à parte. Por muito que custe a acreditar aos mais incautos, o trio que agora assentou arraiais em Los Angeles nunca deixou de representar o verdadeiro espírito do post punk original: liberdade criativa sem limites e rejeição de fórmulas estanques.
Depois da exploração das possibilidades do uso da percussão patentes em Drum's Not Dead do ano passado, fazem nova inflexão sonora em Liars, o quarto registo a editar em breve.
E se desta vez a criatividade não chegou para um título à altura dos anteriores, parece ter sobrado na concepção da música. Para além de um regresso em força das guitarras, as quatro faixas avançadas no
MySpace da banda deixam antever que o convívio com os notáveis Deerhunter está a dar os seus frutos.
Mais uma prenda para ouvidos menos acomodados. A confirmar a partir de dia 20...

2 comentários:

dedos-bionicos disse...

fantastico o novo dos Liars...

Lídia disse...

adorei o primeiro álbum deles mas tenho um ódio de estimação ao Drum's Not Dead...muito experimental e nada de cuidado com a parte melódica.